10 dicas para arrumar as malas

Tá passando perrengue aí na hora de arrumar as malas? Vamos resolver isso!

1.Confira o destino

Qual é o lugar? Praia, campo, cidade… Qual é a previsão do tempo durante sua estadia? Frio, calor, chuva, tudo isso junto… Confere aí. Quais os programas que você pretende fazer? Se for caminhar muito, vai precisar de tênis, se for para a balada, vai levar um vestido, por exemplo. Se você não tem noção de como as pessoas se vestem no lugar que irá visitar e quer saber, pesquise por hashtags no Instagram. É ótimo para ter ideias de looks.

2.Faça uma lista

A listinha de coisas que precisam ser levadas é o que vai evitar que você esqueça algo. Vale começar a planejar e anotar tudo uns dias antes de montar a mala. Assim, dá tempo de ir lembrando uma coisa ou outra que ficou de fora e irá precisar.

3.Roupas básicas

Na hora de escolher suas roupas prefira as básicas e com cores que combinam. Sempre mais partes de cima do que debaixo. Dessa forma, fica fácil montar várias composições com poucas peças. Ficou com medo de ficar sem graça? Abuse dos acessórios que não ocupam muito espaço e são capazes de transformar um look.

Uma ideia bacana também é provar e fotografar com o celular as várias combinações que você poderá fazer. Ajuda a lembrar de o que levou e escolher sem perder tempo.

Roupas para 15 dias são o suficiente para uma viagem longa, independente se irá demorar quinze dias, um mês ou três. Se programe para lavar roupas.

4.Sapatos

Sapato é o item mais pesado e que mais ocupa espaço na mala, então, reduza. Nada de levar a sapateira inteira, escolha os pares que combinarão com a maior parte das roupas que você está levando. Três, provavelmente, são o suficiente. Além disso, eles precisam corresponder aos passeios que pretende fazer, não dá para fazer trilha de sapatilha, por exemplo.

Para guardar na mala, o ideal é colocar em saquinhos de TNT, se não tiver, aquelas toucas para banho funcionam super bem. O importante é não deixar as solas descobertas para não danificarem ou sujarem suas roupas.

Dentro dos sapatos você já pode guardar as meias e os cintos.

5.Necessaire

Esqueça aquela bolsinha cheia de coisas e separe tudo em pacotinhos. Coloque os itens para escovar os dentes em uma, os cremes para o rosto em outra, itens de banho em uma terceira. Sabe por quê? É mais fácil de encaixar esses pacotinhos na mala, ao invés de uma única bolsinha volumosa cheia de coisas.

Aqueles kits de frascos para viagem, que você encontra em qualquer lojinha de R$1,99, também são ótimos para reduzir volume. Assim, você não precisa levar aquela embalagem enorme de shampoo, condicionador, hidratante… Leve só a quantidade que irá usar.

6.Nada de roupa amassada

Prefira os tecidos que amassam pouco: malha, tricô, moletom, algodão fino. O que for mais grosso e amasse menos vai por baixo, como jeans. E os mais delicados por cima.

Para dobrar, depende do tamanho e formato da sua bagagem. Não é difícil encontrar alguns tutoriais. O negócio é procurar a forma de dobrar menorzinho e que não amarrote.

Se tiver espaço, leve um cabide. Pendure a roupa que irá usar e deixe dentro do banheiro enquanto toma banho. O vapor e calor irão passar sua roupinha sem maiores esforços.

7.Cabos

Vocês ficam enrolados com fone, mil carregadores, adaptadores e acabam levando tudo meio emaranhado? Pare. Se puder investir em um kit para viagem, ótimo. Se não, enrole cada um (sem apertar muito, tenha pena do cabo) e guarde em um estojo ou case estruturado para óculos, funciona super bem e fica organizado.

8.Não pode faltar

Se você for para Cuiabá, precisa levar um casaco. Se for para Curitiba, precisa levar um biquíni. Se for para o meio da Floresta Amazônica, precisa levar uma roupa mais arrumadinha. Entendeu? Nunca sabemos quando vai bater aquele ventinho gelado ou o ar condicionado vai estar em temperatura glacial, quando receberemos um convite para a piscina ou massagem no hotel, ou se vamos conhecer um novo amigo que irá apresentar um restaurante maravilhoso e você vai precisar se arrumar.

Não esqueça também de se preparar para a volta. Sacolas para roupas sujas e toalhas molhadas não podem faltar.

9.Mala de mão

Existem regras para a mala de mão e você pode conferir elas aqui. Mas nunca deixe de acrescentar uma muda de roupas nessa malinha. Se der algum problema, você está prevenido.

10.Ame muito

Na mala a gente só leva o que ama usar, aquilo que você já usou em outros momentos, no máximo já experimentou com calma e ficou um pouquinho com a roupa ou sapato. Viagem não é lugar de ficar testando ou perdendo tempo escolhendo demais. Estamos longe do armário, então, evite a angústia. Gaste seu tempo e energia desfrutando o lugar. E não se esqueça de reservar um espaço para comprinhas e presentes.

Aproveite!

 

Patrícia Paola Almeida

Trocando certezas por questionamento, em busca de uma vida mais simples, plena e consciente. Costureira apaixonada, louca pelas palavras e libriana em níveis extremos.

Comments

comments

About the Author

Patrícia Paola Almeida
Patrícia Paola Almeida

Trocando certezas por questionamento, em busca de uma vida mais simples, plena e consciente. Costureira apaixonada, louca pelas palavras e libriana em níveis extremos.