Banda de Mina #02 – Dorothy

Me apaixonei em cinco segundos.

Todo mundo odeia aqueles cinco segundos de publicidade no YouTube, né? Eu também até me deparar com o comercial da Gatorade. Tocava Wicked Ones de fundo. Eu não sabia dessa música, dessa banda, fiquei louca. O hábito de pular o anúncio fez a música passar por mim em cinco segundos, tempo suficiente para gritar “não” (mentalmente). – PQ EU TINHA Q PULAR?

 

 

Não lembro como, mas encontrei a música, conheci a banda. Ouvi o álbum Rockisdead em um dia, no dia seguinte também e por um bom tempo só ele.

 

Mulherão da porra

Essa Dorothy não é a de Oz. Mas tem uma magia, viu (desculpa o trocadilho ridículo)? Você meio que vicia na voz dessa mulher. Migs, e que mulher! Dorothy Martin doa seu nome a banda e sua voz potente/sexy faz o diferencial no gênero Hard Rock(zão) que a banda transita.

 

Rockisdead

Dorothy tem apenas um álbum lançado, mas dá para curtir a banda só por esse trabalho. A música de ponta pé inicial foi After Midnight, muito boa!

 

 

Você também precisa ouvir Raise Hell.

 

Tem Gun In My Hand, Raise Hell, Shelter e minha favorita:

…Whiskey fever
Your my evil
Your my evil
Whiskey whiskey whiskey fever
Your my evil
Your my evil love
Whoa whoa whoa
Your my evil love

 

Novo álbum em breve

A banda lançou um novo single, Down to the Bottom, com a mesma pegada das outras. Creio que o próximo álbum será lançado em breve.

 

Quem curtiu dá para ouvir:

Spotifly | Soundcloud | Youtube

E acompanhá-las:

FacebookTwitterInstagram

 

Semana passada falei sobre a banda Baleia,leu? 🙂

Taiane Campos
Pode chamar de Tai, ninguém lembra do resto. Publicitária formada. Designer gráfico por paixão. Marqueteira pelo pão (de cada dia). Baixista que usa palheta

Comments

comments

About the Author

Taiane Campos
Taiane Campos
Pode chamar de Tai, ninguém lembra do resto. Publicitária formada. Designer gráfico por paixão. Marqueteira pelo pão (de cada dia). Baixista que usa palheta