Grammy Awards 2017: tudo o que rolou e lista dos vencedores

Ontem (12), tivemos o famigerado maior evento musical, o Grammy Awards 2017. Em sua 59ª edição, o evento rolou no Staples Center, em Los Angeles, e tivemos o supra sumo da música internacional.

O anfitrião da vez foi ele, James Corden, chegando com toda a irreverência de sempre.

 

Quem abriu a 59ª edição do evento foi a maravilhosa Adele. A cantora, uma das favoritas da premiação, cantou seu single Hello.

Bora conferir?

Lacre, hein?

Teve The Weeknd, que arrasou no palco e não foi sozinho. Ele teve a companhia do duo de música eletrônica Daft Punk. Primeiro, os “robôs” entraram ao som de seu single Starboy e, em seguida, o artista emendou I Feel It Coming,  faixas gravadas em parceria com a dupla francesa para o seu mais recente disco.

 

O ruivo mais querido do momento (e de sempre) Ed Sheeran, fez uma apresentação de seu novo single Shape of you, que já é o maior sucesso.

Acompanhado apenas com seu violão e de aparelhos de efeitos sonoros, Ed deixou todo mundo de queixo caído, mostrando que sozinho tem talento por dez!

Bora assistir?

 

E para agitar todo mundo, tivemos o irreverente e talentosíssimo Bruno Mars, com a performance de That’s what I like’. Quer ver só?

 

Trazendo o conceito de ahazar & destruir, veio Beyoncé, grávida de gêmeos, performando duas músicas mais lentinhas: Love Drought e Sandcastles. Sem muita dança, em uma belíssima projeção, retomando até seu ensaio de gravidez exibido recentemente na mídia, Bey apareceu com um look dourado, em uma das apresentações mais esperadas da noite do Grammy.

 

Falando em apresentações mais esperadas da noite, tivemos Katy Perry (baphonica) acompanhada de Skip Marley, apresentando, pela primeira vez, seu novo hit Chained to the Rhythm, anunciada pelos integrantes do Little Big Town (que deram até palhinha de Teenage Dream). Katy segurou a performance na interpretação (sem muita dança e fantasiação) e, ao final, contou com a presença do Skip Marley, que colaborou na gravação original. Maravilhosa!

 

Adele voltou ao palco do Grammy e fez uma performance tributo a George Michael, mas acabou tendo um incidente no início da apresentação: a cantora se atrapalhou um pouco, pediu desculpas e que recomeçassem a música. Ela cantava Fast Love quando errou uma nota e preferiu voltar e começar.

Nas palavras de Adele:

Sei que é TV ao vivo, mas eu não posso fazer de novo igual ao ano passado. Podemos, por favor, começar de novo? Me desculpem, eu não posso errar isso, não posso fazer isso com ele.” Veja, só:

Retomando a canção, Adele cantou com maestria e foi muito aplaudida ao final da apresentação. Merecido!

No Rock N roll, tivemos a old e clássica Metallica, se apresentando com a diva do pop, Lady GaGa. A cantora é fã assumida da banda (nós também) e se juntou a James Hetfield e o restante da banda para a performance Moth Into Flame, segundo single do álbum dos veteranos lançado no ano passado.

Nos primeiros segundos da performance, o microfone de James falhou e ouvimos apenas os vocais de Gaga (que não percebeu a falha por conta do seu retorno que estaria sem problemas). O fato é que corrigido o defeito técnico, o James soltou o vozeirão e tombou junto com a voz de Joanne, veja só!

 

Ainda entre os destaques musicais do Grammy Awards 2017, tivemos uma homenagem maravilhosa ao Bee Gees e ao 40º aniversário da trilha de Os Embalos de Sábado à Noite, feita por Demi Lovato, Tori Kelly, Andra Day e a banda Little Big Town.

Tivemos o maravilhoso Barry Gibb assistindo a homenagem da plateia. Haja coração para quem estava apresentando! Assista:

E a tão esperada lista de vencedores teve uma dona: Adele! A britânica venceu as cinco categorias das quais estava indicada, dentre elas, as três mais importantes do evento: “Álbum do Ano” por 25, “Música do Ano” e “Gravação do Ano”, essas pelo hit Hello.

A grande vencedora se emocionou na hora de agradecer aos prêmios e fez questão de homenagear Beyoncé, que também concorria nas categorias. “A artista da minha vida é Beyoncé. E este álbum para mim, o álbum Lemonade é tão monumental, Beyoncé. Foi tão monumental e tão bem pensado, tão bonito, com alma… Todos nós pudemos ver um outro lado seu que você nem sempre nos deixou ver e nós adoramos isso. Você é nossa luz. O jeito que vocês faz meus amigos negros se sentirem é muito empoderador. Eu te amo, sempre te amei e sempre te amarei“ Assista:

 

Indicada a nove categorias, Bey venceu duas: Melhor Álbum Urban Contemporâneo por Lemonade e Melhor Clipe por Formation. Dos 84 prêmios oferecidos pela National Academy of Recording Arts and Sciences, 70 deles foram entregues num Pre-Grammy, horas antes da cerimônia principal.

Para cada gramofone dourado entregue no palco, eram mais quatro ou cinco apresentações (sim), e até tributo de Bruno Mars à Prince. 

Vamos à lista dos principais vencedores?

Álbum do Ano
Adele – “25″ – VENCEU
Beyoncé – “Lemonade”
Drake – “Views”
Justin Bieber – “Purpose”
Sturgill Simpson – “A Sailor’s Guide to Earth”

Gravação do Ano
Adele – “Hello” – VENCEU
Beyonce – “Formation”
Rihanna feat. Drake – “Work”
Twenty One Pilots – “Stressed Out”
Lukas Graham – “7 years”

Música do Ano
Beyoncé – “Formation”
Adele – “Hello” – VENCEU
Mike Posner – “I Took a Pill in Ibiza”
Justin Bieber – “Love Yourself”
Lukas Graham – “7 Years”

Artista Revelação
Kelsea Ballerini
The Chainsmokers
Chance The Rapper – VENCEU
​Maren Morris
Anderson .Paak

Melhor Performance Pop Solo
“Hello” — Adele – VENCEU
“Hold Up” — Beyoncé
“Love Yourself” — Justin Bieber
“Piece By Piece” (Idol Version) — Kelly Clarkson
“Dangerous Woman” — Ariana Grande

Melhor Performance Pop de Dupla ou Grupo
“Closer” — The Chainsmokers feat. Halsey
“7 Years” — Lukas Graham
“Work” — Rihanna feat. Drake
“Cheap Thrills” — Sia feat. Sean Paul
“Stressed Out” — Twenty One Pilots – VENCEU

Melhor Álbum Pop Vocal
25 — Adele – VENCEU
Purpose — Justin Bieber
Dangerous Woman — Ariana Grande
Confident — Demi Lovato
This Is Acting — Sia

Melhor Performance de R&B
BJ The Chicago Kid – “Turnin’ Me Up”
Ro James – “Permission”
Musiq Soulchild – “I Do”
Rihanna – “Needed Me”
Solange – “Cranes In The Sky” – VENCEU

Melhor Performance Tradicional de R&B
William Bell – “The Three of Me”
BJ The Chicago Kid – “Woman’s World”
Fantasia – “Sleeping with the One I Love”
Lalah Hathaway – “Angel” – VENCEU
Jill Scott – “Can’t Wait”

Melhor Música de R&B
PartyNextDoor feat. Drake – “Come See Me”
Bryson Tiller – “Exchange”
Rihanna – “Kiss It Better”
Maxwell – “Lake By the Ocean” – VENCEU
Tory Lanez – “Luv”

Melhor Álbum Urban Contemporâneo
Beyoncé – Lemonade – VENCEU
Gallant – Ology
KING – We Are King
Anderson .Paak – Malibu
Rihanna – Anti

Melhor Álbum de R&B
BJ The Chicago Kid – In My Mind
Lalah Hathaway – Lalah Hathaway Live – VENCEU
Terrace Martin – Velvet Portraits
Mint Condition – Healing Season
Mya – Smoove Jones

Melhor Performance de Rap
Chance the Rapper – “No Problem” [feat. 2 Chainz e Lil Wayne] – VENCEU
Desiigner – “Panda”
Drake – “Pop Style” [feat. The Throne]
Fat Joe / Remy Ma – “All the Way Up” [feat. French Montana e Infrared]
Schoolboy Q – “That Part” [feat. Kanye West]

Melhor Performance Vocal de Rap
Beyoncé – “Freedom” [feat. Kendrick Lamar]
Drake – “Hotline Bling” – VENCEU
D.R.A.M. – “Broccoli” [feat. Lil Yachty]
Kanye West – “Ultralight Beam” [feat. Chance the Rapper, Kelly Price, Kirk Franklin e The-Dream]
Kanye West – “Famous” [feat. Rihanna]

Melhor Música de Rap
Fat Joe / Remy Ma – “All the Way Up” [feat. French Montana and Infrared]
Kanye West – “Famous” [feat. Rihanna]
Drake – “Hotline Bling” – VENCEU
Chance the Rapper – “No Problem” [feat. 2 Chainz e Lil Wayne]
Kanye West – “Ultralight Beam” [feat. Chance the Rapper, Kelly Price, Kirk Franklin e The-Dream]

Melhor Álbum de Rap
Chance the Rapper – Coloring Book – VENCEU
De La Soul – and the Anonymous Nobody…
DJ Khaled – Major Key
Drake – Views
Schoolboy Q – Blank Face LP
Kanye West – The Life of Pablo

Melhor Performance Country – SOLO
“Love Can Go to Hell” – Brandy Clark
“Vice” – Miranda Lambert
“My Church” – Maren Morris – VENCEU
“Church Bells” – Carrie Underwood
“Blue Ain’t Your Color” – Keith Urban

Melhor Performance Country – DUO/GRUPO
“Different for Girls” – Dierks Bentley featuring Elle King
“21 Summer” – Brothers Osborne
“Setting the World on Fire” – Kenny Chesney & P!nk
“Jolene” – Pentatonix featuring Dolly Parton – VENCEU
“Think of You” – Chris Young with Cassadee Pope

Melhor Música Country
“Blue Ain’t Your Color – Keith Urban
“Die a Happy Man” – Thomas Rhett
“Humble and Kind” – Tim McGraw – VENCEU
“My Church” – Maren Morris
“Vice” – Miranda Lambert

Melhor Álbum Country
Big Day in a Small Town – Brandy Clark
Full Circle – Loretta Lynn
Hero – Maren Morris
A Sailor’s Guide to Earth – Sturgill Simpson – VENCEU
Ripcord – Keith Urban

Melhor Performance de Rock
“Joe” (Live From Austin City Limits) – Alabama Shakes
“Don’t Hurt Yourself” – Beyoncé e Jack White
“Blackstar” – David Bowie – VENCEU
“The Sound Of Silence” (Live On Conan) – Disturbed
“Heathens” – Twenty One Pilots

Melhor Performance de Metal
“Shock Me” – Baroness
“Silvera” – Gojira
“Rotting In Vain” – Korn
“Dystopia” – Megadeth – VENCEU
“The Price Is Wrong” – Periphery

Melhor Música de Rock
“Blackstar” – David Bowie – VENCEU
“Burn The Witch” – Radiohead
“Hardwired” – Metallica
“Heathens” – Twenty One Pilots
“My Name Is Human” – Highly Suspect

Melhor Álbum de Rock
California – Blink-182
Tell Me I’m Pretty – Cage The Elephant – VENCEU
Magma – Gojira
Death Of A Bachelor – Panic! At The Disco
Weezer – Weezer

Melhor Videoclipe
Beyoncé – “Formation” – VENCEU
Leon Bridges – “River”
Coldplay – “Up & Up”
Jamie xx – “Gosh”
OK Go – “Upside Down & Inside Out”

Melhor Álbum Dance/Eletrônico
Flume – Skin – VENCEU
Jean-Michel Jarre – Electronica 1: The Time Machine
Tycho – Epoch
Underworld – Barbara Barbara, We Face A Shining Future
Louie Vega – Louie Vega Starring…XXVIII

Melhor Álbum de Música Alternativa
Bon Iver – 22, A Million
David Bowie – Blackstar – VENCEU
PJ Harvey – The Hope Six Demolition Project
Iggy Pop – Post Pop Depression
Radiohead – A Moon Shaped Pool

Melhor Álbum World Music
Dois Amigos, Um Século De Música: Multishow Live — Caetano Veloso & Gilberto Gil
Destiny — Celtic Woman
Walking in the Footsteps of Our Fathers — Ladysmith Black Mambazo
Sing Me Home — Yo-Yo Ma & The Silk Road Ensemble – VENCEU
Land of Gold — Anoushka Shankar

Melhor Álbum Jazz Latino
30 — Trio Da Paz
Entre Colegas — Andy González
Madera Latino: A Latin Jazz Perspective on the Music of Woody Shaw — Brian Lynch & various artists
Canto América — Michael Spiro/Wayne Wallace La Orquesta Sinfonietta
Tribute to Irakere: Live in Marciac — Chucho Valdés – VENCEU

Melhor Música Escrita para uma Mídia Visual
“Can’t Stop The Feeling” – Trolls (Justin Timberlake) – VENCEU
“Heathens” – Esquadrão Suicida (twenty One pilots)
“Just Like Fire” – Alice Através do Espelho (Pink)
“Purple Lamborghini” – Esquadrão Suicida (Skrillex & Rick Ross)
“Try Everything” – Zootopia (Shakira)
“The Veil” – Snowden (Peter Gabriel)

Melhor Filme de Música
I’ll Sleep When I’m Dead – Steve Aoki
The Beatles: Eight Days A Week The Touring Years – The Beatles – VENCEU
Lemonade – Beyoncé
The Music Of Strangers – Yo-Yo Ma & The Silk Road Ensemble
American Saturday Night: Live From The Grand Ole Opry

The Weeknd feat Daft Punk – I Feel It Coming

Beatriz Lopes

24 anos, Advogada, Geminiana, cinéfila, fã da pequena sereia, Marvel e de The kooks.
Amante de um bom Rock n roll, moda, conversas inteligentes, fotografia, séries, chocolate e café.
E quem não ama café?
Muito prazer!

Comments

comments

, , , , , , ,
Beatriz Lopes

About Beatriz Lopes

24 anos, Advogada, Geminiana, cinéfila, fã da pequena sereia, Marvel e de The kooks. Amante de um bom Rock n roll, moda, conversas inteligentes, fotografia, séries, chocolate e café. E quem não ama café? Muito prazer!
View all posts by Beatriz Lopes →