Nos cinemas: Guardiões da Galáxia 2

Nesta semana, tivemos a volta do quinteto de guardiões às telonas! Isso mesmo, Guardiões da Galáxia, volume 2, chegou aos cinemas ontem (27) em sua pré-estreia, desbravando uma nova aventura pela galáxia. O Tipzine esteve lá e viemos contar em primeira mão um pouquinho do filme. E fiquem tranquilos, não contém spoilers!

 

O roteiro e direção são, novamente, de James Gunn, que demonstrou facetas um pouco diferentes do filme anterior. Neste segundo volume, conhecemos diferentes lados dos personagens, algo mais intimista como família, passado, traumas de infância, vontades pessoais e até arrependimentos. Embora este contexto possa parecer ”dramático”, não se engane! Toda e qualquer vez que o longa ameaça cair no melodrama, uma piada a-la-guardiões é feita, interrompendo qualquer clima composto de mais seriedade. O que foi bastante inteligente, visto que um dos traços mais marcantes e que mais conquistaram o público foi o humor  ímpar e descompromissado de Guardiões – mexer demais no tom poderia ser um erro.

O filme funciona muito bem sozinho, não excedendo em conexões com outros filmes do universo Marvel.

Do elenco anterior, temos Dave Batista, dando vida ao engraçadíssimo Drax, Chris Pratt como Senhor das EstrelasZoe Saldana fazendo Gamora – claro –, o querido baby Groot, que foi uma das grandes estrelas do filme e o marrento Rocket Raccoon. Tivemos também, estreando no filme, Pom Klementieff, encarregada de interpretar a alienígena Mantis, personagem cômica e inocente ao mesmo tempo, além de outros que aparecem durante o longe e nos surpreendem, cada um com sua intensidade e por quê.

Quem espera o mesmo clima de constantes provocações entre os personagens não vai se decepcionar, mas ao mesmo tempo ele não é mais tão forte. O filme é bastante focado em séries de acontecimentos intensos. Bastante ágil e fluido. Em suas criações e cenários, ele é bastante detalhado, inventivo e a fotografia é bastante extravagante e colorida, em contraste com uma simetria minimalista de certos cenários, também observados durante o filme. Tudo muito bem produzido.

Não podemos reclamar em termos de produção musical. O filme conta com Mr. Blue Sky, George Harrison, Norman Greenbaum, entre outros, que compõe uma harmônica e bem construída trilha sonora.

O filme é bem dirigido do começo ao fim, a temática é interessante e cai no gosto do público. O terceiro ato é bastante empolgante e contamos com um final bastante tocante, que vale a pena ser assistido. E já que o assunto é Marvel, com certeza todos estão esperando a famosa cena pós-crédito. Neste volume, contamos com cinco cenas pós-crédito. (Exato!)

Bora pro cinema conferir a continuação de Guardiões da Galáxia?

Beatriz Lopes

24 anos, Advogada, Geminiana, cinéfila, fã da pequena sereia, Marvel e de The kooks.
Amante de um bom Rock n roll, moda, conversas inteligentes, fotografia, séries, chocolate e café.
E quem não ama café?
Muito prazer!

Comments

comments

, , , , , , , ,
Beatriz Lopes

About Beatriz Lopes

24 anos, Advogada, Geminiana, cinéfila, fã da pequena sereia, Marvel e de The kooks. Amante de um bom Rock n roll, moda, conversas inteligentes, fotografia, séries, chocolate e café. E quem não ama café? Muito prazer!
View all posts by Beatriz Lopes →