O poder do iluminador

Há quem não vive sem e há quem ainda não conhece esse produto maravilhoso!

O Iluminador é um produto com diversas texturas e funcionalidades. Ele é utilizado para iluminar o rosto e destacar estrategicamente alguns pontos dele.

Essa técnica começou a ser utilizada pelas mãos dos maquiadores, nos rostos de modelos e celebridades. Hoje, conquistou o coração dos apaixonados por make. Porém, existem pessoas que têm muitas dúvidas a respeito de como aplicar e de qual produto usar.

Por isso, vamos falar sobre os tipos de iluminador para você escolher qual é o seu queridinho e começar a aplicá-lo nas produções.

 

• Onde aplicar?

A técnica de iluminação ficou bastante conhecida há um tempo atrás quando era acompanhada do famoso contorno. Basicamente você teria que escurecer as partes que quer esconder e iluminar o que gostaria de ressaltar no seu rosto.

Porém, existem outras formas de usar o iluminador a nosso favor sem vinculá-lo ao contorno, usando apenas a iluminação – trazendo um ar mais viçoso, leve e saudável para o rosto. Hoje em dia, nos chamamos essa técnica de strobing.

1- Arco da sobrancelha: vai realçar a curvatura dela e ajudar a parecer mais arqueada. Você também pode conseguir o mesmo efeito com um corretivo de um tom mais claro que sua pele. Dá até para disfarçar aqueles pelinhos indesejáveis que vão nascendo.

2- Cantinho interno do olho: acende o olhar e te faz parecer mais “acordada”. Para quem tem os olhos bem próximos ao nariz é ótimo, porque disfarça e você consegue um efeito mais longilíneo

3- Acima das maças do rosto (onde geralmente passamos o blush): pode levá-lo até as têmporas, perto da sobrancelha.

4- Topo do nariz: iluminar o topo do nariz dá a ele a impressão de ser mais fino. Se você quiser, pode iluminar apenas a ponta do nariz, vai levantá-lo e deixar mais “arrebitadinho”.

5- Arco do cupido: vai evidenciar o desenho boca. Esse efeito fica lindo depois, com o batom aplicado. Também dá para iluminar o centro dos lábios.

6- Queixo: ótima opção para quem tem o rosto redondo ou quadrado, isso chama atenção para o centro da face.

Nunca ilumine o que você quer esconder. Se você tem o queixo ou nariz muito pontudo (e não gosta disso) não passe iluminador nele, tudo o que você ilumina no rosto é “trazido para frente”. Da mesma forma, não ilumine locais com alergia, acne, bolinhas, cravos, poros dilatados, pois isso pode acentuar ainda mais algo que te incomoda e não é legal.

Cuidado com a luz! A luz é muito importante quando estamos nos maquiando. Se você se maquiar em um ambiente escuro demais pode acabar exagerando nos produtos. No caso do iluminador não é diferente, as vezes você vai achar que está passando pouco produto e depois quando sair na luz normal vai perceber que exagerou.

Para conseguir uma versão “mate” do iluminador, é só substitui-lo por um corretivo um pouco mais claro que o tom da sua pele.

Uma dica pra quem tem pele oleosa e não gosta do efeito do iluminador é passar o pó facial antes e não aplicar o iluminador em áreas como a testa, nariz, queixo – são lugares que sua pele começa a brilhar naturalmente com o passar das horas. Escolha iluminar as têmporas, maçãs do rosto, etc…

 

• Qual cor escolher?

Maquiagem é liberdade de criar e usar o que quiser, porém, há sempre algo que fica mais harmonioso para o nosso tom de pele e estilo:

1- Bronze/Dourado/Alaranjado: ressalta a beleza das peles negras, pardas e morenas.

2- Prateado: cuidado com essa cor, geralmente fica melhor em peles claras. Peles negras ficam com um aspecto “esbranquiçado”. Ela fica estourada na luz artificial.

3- Rosado: combina com peles claras, principalmente as de subtons frios.

4- Champanhe/Perolado: se joga! Essas cores ficam bonitas em qualquer tom de pele. Além de ser, na minha opinião, a cor mais bonita e coringa para apostar.

Exstem várias marcas de maquiagem que têm paletinhas de iluminadores com mais de uma cor, é legal porque você pode experimentar e descobrir qual é melhor para você.

Outra dica é quando algum iluminador ficar escuro demais na sua pele, você pode usá-lo como um blush.

 

• Texturas:

1- Líquidos e Cremosos:

Iluminadores com textura líquida ou cremosa, geralmente, vem em embalagens mais práticas. Porém, devem ter alguns cuidados na hora da aplicação. Para não manchar a maquiagem, nunca aplique o produto diretamente no rosto, principalmente no caso do bastão. Prefira sempre colocar um pouco de produto no dorso da mão e, a partir disso, pegue o produto e vá espalhando e dosando as quantidades. Bem rapidinho para não secar antes de espalhar. Se for com os dedos vá aplicando com batidinhas leves. Se sua escolha for com pincel escolha um de formato pequeno e que consiga esfumar bem o produto.

Para quem gosta de bases de efeito iluminado: com os iluminadores líquidos você consegue fazer uma! Basta misturar uma gotinha na quantidade de base que você costuma usar e pronto. Ou então pode aplicá-lo no rosto antes da base.

Uma dica para quem não gosta de brilho demais é apostar nesse tipo de textura, ele fica bem mais natural na pele do que o iluminador em pó.

2- Iluminadores em pó:

Eles são queridinhos e mais escolhidos na hora da compra. Ele é bem mais fácil de aplicar e de consertar, caso algo dê errado.

Por ser em pó, você pode ir aplicando aos poucos até chegar na quantidade desejada. Pode aplicá-lo com os dedos ou com o pincel. Se você aplicar demais, pode voltar com um pó facial e retirar um pouco do produto.

Para potencializar o brilho, você pode misturar as texturas. Aplicar um iluminador líquido ou cremoso primeiro e, depois que secar, passe o em pó. Isso vai fazer o brilho ficar intensificado, além de durar muito mais!

Sombras podem ser usadas como iluminador, da mesma forma que um iluminador também pode ser usado como sombra. Basta escolher uma cor clarinha e brilhante. O mesmo vale para sombras cremosas.

E ai? Qual faz mais o seu estilo? Uma pele super iluminada ou com pouco brilho e viço natural? Com o iluminador dá para fazer as duas coisas, escolha o seu preferido e arrase!

Thaline Correa
Pedagoga por formação, mas trabalha na área de tecnologia. 25 anos. Apaixonada por maquiagem e com muita vontade de dividir isso

Comments

comments

About the Author

Thaline Correa
Thaline Correa
Pedagoga por formação, mas trabalha na área de tecnologia. 25 anos. Apaixonada por maquiagem e com muita vontade de dividir isso